Superintendente do Incra afirma que assentados vão receber o Título da Terra

Em reunião na manhã de quinta-feira (6), com o prefeito Elcio Jaime da Luz, o superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) do Paraná, Robson Bastos garantiu a titularização das terras do assentamento em Quedas do Iguaçu
“É direito da família que comprovadamente exerce atividade agrícola trabalhar na terra, tirar dela o seu alimento e sua fonte de sustento. Queremos regularizar, para acabar com o chamado ‘aproveitador’, algumas pessoas usaram as pessoas para tirar proveito cobrando dinheiro, exigindo valores das famílias e dessa forma se beneficiando em cima dos assentados, com o título isso vai acabar. Os documentos que dão segurança jurídica e são como uma garantia da casa própria para essas pessoas”, destacou o presidente do Incra.

Ele acrescentou ainda que o desafio para esse mandato é entregar os títulos de propriedade a todas as famílias paranaenses que são as verdadeiras donas da terra que cultivam.
Durante o encontro, o prefeito Elcio Jaime da Luz, falou que lutam pelas famílias, pela regularização das terras, pelo bloco do produtor que conforme ele, é um documento muito importante, “Assim, aqueles que se dedicam às atividades do agro terão mais incentivos e segurança para investir e estruturar seus negócios, beneficiando toda uma cadeia que fomenta não apenas a economia de Quedas do Iguaçu, mas de todo o país”, disse o prefeito.

Incentivo


Na reunião, o assessor de Assuntos Estratégicos, Emerson Prado relatou que o prefeito Elcio Jaime tem feito sua parte como gestor municipal. “O governo estadual tem feito um trabalho intenso para trazer tranquilidade aos agricultores que estão nessa situação, agora falta a ação do governo federal”.
“Todos os governos têm que ter atenção especial a segmentos sensíveis. Atuarem para melhorar as estradas rurais,  extensão rural, aquisição de produtos, ter projeto,  essa iniciativa do prefeito Elcio Jaime da Luz deveria ser do governo federal, visto que Quedas do Iguaçu tem o maior assentamento da América Latina, acrescentou Prado.
Para o assessor, a vinda do superintendente do Incra mostra a população que o prefeito tem sensibilidade e pensa no futuro do município.”Todo e qualquer gestor quando assume algo público tem que pensar na sociedade, pois a pessoa está exercendo um cargo público que é passageiro, e isso o Elcio tem feito, parabéns a todos os envolvidos nessa importante reunião”. Finalizou Emerson Prado.


Dados

No Paraná existem 327 assentamentos, e 18.614 famílias vivem nesses locais. Segundo dados do Incra, cerca de 970 mil famílias, em todo o Brasil, vivem nessas unidades agrícolas.