Operário conquista a Série Prata e alcança feito importante no futsal paranaense

Campeão incontestável! O Operário Laranjeiras fez uma apresentação sem oscilações e faturou o título da Série Prata, neste sábado (12).

Campeão incontestável! O Operário Laranjeiras fez uma apresentação sem oscilações e faturou o título da Série Prata, neste sábado (12). O Rubrão fez 3×0 no Coronel, no Laranjão, com dois gols de Biel e um de Nico. Na partida de ida, disputada na quarta-feira (9) no Barro Preto, os clubes empataram em 2×2.


O jogo

A rede balançou pela primeira vez aos 10 minutos. Em cobrança de falta, Nico mandou uma bomba. O goleiro Ceará até encostou na bola, mas não evitou o gol. Nico não marcava desde a Laranjeiras Cup. Dois minutos depois, Niko, com “k” mesmo e do Coronel, saiu em contra-ataque, mas deixou o braço no rosto Marcelo Bigode. A arbitragem entendeu que o lance era para expulsão e o time visitante passou a atuar com um jogador a menos em quadra.

Renato Mocelin recuou, mas ainda assim não conseguiu segurar dois minutos com inferioridade númerica em quadra. Biel aumentou a contagem: 2×0 Operário. 

No 2º tempo, aos seis minutos, São Pedro cobrou falta nos pés de Biel, que fez o segunde dele no jogo: 3×0. Nos instantes finais, Renato Mocelin apostou em Vini como goleiro linha, mas não conseguiu furar a meta de Ari. O Operário, já com o título encaminhado, desperdiçou boas oportunidades, mas o placar ficou mesmo em 3×0.


Rubrão fica com melhor goleiro e artilheiro

Além do título, o Operário Laranjeiras teve o melhor goleiro – Ari – e o artilheiro – Biel, com 15 gols – da Série Prata. Em 2021, tanto Rubrão tanto Coronel disputarão a elite do futsal paranaense. 


Operário alcança feito relevante 

O Operário Laranjeiras conseguiu um feito que até então era único. Ao vencer a Série Prata no ano seguinte da conquista da Bronze, o time se equiparou ao Santa Paula, de Ponta Grossa, que entre 2005 e 2006 conquistou a mesma façanha.