Laranjeiras: CFO debate projetos de ordem orçamentária, reajuste de perdas inflacionárias e subsídios

Comissão reuniu-se com os Recursos Humanos e secretaria de Governo e Gestão para tratar de dúvidas em relação ao projeto

Na semana passada, a Comissão de Finanças e Orçamentos (CFO) da Câmara de Laranjeiras do Sul, composta pelos vereadores presidente Ney Becker; secretário, Juvinha Viola e relatora, Valeide Scarpari, estiveram reunidos para debater os projetos de lei de ordem orçamentária, reajuste de perdas inflacionárias e subsídios em trâmite no Legislativo.

Sobre a matéria 026/2021, acerca da previdência complementar do Município, a Comissão reuniu-se com os Recursos Humanos e secretaria de Governo e Gestão para tratar de dúvidas em relação ao projeto. A matéria, assim como o Projeto de Lei, 011/2021 a respeito do reajuste do prefeito, secretários e vice-prefeito, seguem em análise.

Também segue em análise, aguardando 30 dias para apresentação de emendas, o projeto de lei 027/2021, que estima a receita e fixa a despesa do Município de Laranjeiras do Sul para o exercício de 2022. Os vereadores têm 30 dias para apresentar emendas à proposta que deu entrada no dia 04/10. Encerrado este prazo, a Comissão de Finanças terá até 15 dias para emitir o parecer.

Já pela tramitação, os vereadores trataram sobre as matérias 012/2021, 028/2021, 029/2021 acerca das perdas inflacionárias dos servidores da prefeitura e da Câmara optando pela aprovação das mesmas. Dessa forma, as propostas poderão ser colocadas para apreciação em plenário.

Participações

Além dos vereadores Ney Becker, Juvinha Viola e Valeide Scarpari, estiveram na reunião o vereador Ivaldonir Panatto; o Consultor Legislativo da Casa, Gilmar Zocche, o Diretor Geral, Júnior Gurtat e o assessor parlamentar, Nildo Gavlik.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail