Projeto “Ler é um prazer”, da profª Eronice Ribeiro, leva a magia da leitura até as crianças

Inserindo as obras do Sítio do Pica-Pau Amarelo à leitura na Escola Aluísio Maier, a professora fala da importância do projeto

Comemorando o Dia Nacional do Livro Infantil, datado em 18 de abril por conta do nascimento de Monteiro Lobato, primeiro escritor brasileiro de histórias para crianças, desde 2018, Eronice Ribeiro, professora da Escola Municipal Aluísio Maier, realiza o projeto de leitura ‘Ler é um prazer’, com o intuito de integrar a mágica de saber ler proporciona às crianças de quatro e cinco anos.
Em entrevista ao Correio do Povo, ela fala da atividade e a importância que o projeto traz. “Integrar a leitura na vida dos nossos pequenos, apresentando o Sítio do Pica-Pau Amarelo e seus personagens, proporciona inúmeros benefícios, pois é lindo ver o desenvolvimento deles a partir disso, pois a criança que lê hoje, é o adulto que pensa no futuro”, ressalta.

Importância

O hábito da leitura oferece muitos benefícios, tanto para o corpo quanto para a mente. Entre eles, melhora o funcionamento do cérebro, contribui para a construção do senso crítico e, como diz a máxima popular, permite uma viagem ao mundo sem que o leitor saia do lugar.
Rememorando a importante data e o significado que carrega, Eronice fala da necessidade de incluir as obras literárias de Monteiro Lobato. “No projeto, trabalho com o Sítio do Pica-Pau Amarelo, pois é mágico uma boneca de pano ter vida, assim como um sabugo de milho. Como sempre me encantei com as histórias, sei da importância em incluir na vida dos pequenos esse tipo de história”, ressalta.

“Compreender a importância dos livros na educação infantil é uma atitude necessária, não somente para os professores, mas também para os pais e responsáveis, que devem sempre estar cientes que a leitura é um hábito e deve ser praticado diariamente”, complementa.

Foto: acervo pessoal

Funcionamento

Segundo Eronice, o projeto ‘Ler é um prazer’, ocorre todos os anos, a partir de 18 de abril, de forma que um menino e uma menina levem para casa uma sacola, ilustradas de Emília e Visconde de Sabugosa, com histórias do Sítio do Pica-Pau Amarelo e um caderno, para desenhar o que mais o encantou. “As sacolas são trazidas depois de dois dias, junto com o desenho e o entusiasmo encontrado ao ler. No dia, sentamos com as crianças para ouvir sobre a história escolhida pelo aluno”.

A professora conta que assim, a oralidade e imaginação da criança é desenvolvida passo a passo. “Ver a criança contando o que leu me orgulha muito, pois é isso que buscamos ao criar o projeto”.

Encanto

Desde 2019, o projeto conta com a participação de uma contadora de histórias que engrandece o interesse à leitura: a Lady Flor, personagem criada pela professora Cláudia Motta. Para ela, interpretar a personagem junto ao projeto de Eronice é de grande valia, pois quem trabalha diretamente com os pequenos, percebe os benefícios que a leitura traz. “Quando você dá importância a uma história, surgem várias possibilidades de conhecimento, de aprendizagem e de imaginações. A criança que é estimulada a ter contato com livros desde pequena, ganha autonomia, criatividade, melhora o vocabulário e a oralidade, além da grande capacidade de estabelecer um diálogo”.

Além disso, a professora Cláudia ressalta que os pequenos leitores se identificam com os personagens e os sentimentos expressados nos livros, e a partir disso, os conflitos começam a ser resolvidos. “Sempre digo para os pais que incentivem suas crianças, pois além de mudar o ambiente escolar, os pequenos se desenvolvem física e emocionalmente, por isso digo e repito, pais, deem livros de presente aos pequenos”.

Conforme Eronice, por se tratar de uma forma divertida de contar histórias, as crianças se encantam pela personagem. “A professora Cláudia me encanta desde que tive aula com ela no magistério, então ver nossos alunos vidrados enquanto ela fala é muito gratificante. Amo o que faço, e se depender de mim, seguiremos com esse projeto por muito tempo”, enfatiza.

“Percebo que o projeto é de grande importância quando vejo as crianças contando e desenhando o que mais gostaram no livro. Eles são o nosso futuro e por isso faço de todas as nossas aulas um momento de encantamento, que incentiva a busca pela leitura”, conclui Eronice.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail