Detento fugiu da cadeia pública de Laranjeiras do Sul neste sábado (21). Em seis anos este é o primeiro caso

Neste sábado (21) foi constatado a evasão de um detento que estava implantado no trabalho para redução de pena, por

Neste sábado (21) foi constatado a evasão de um detento que estava implantado no trabalho para redução de pena, por volta das 16h30 em Laranjeiras.

Nossa equipe entrou em contato com Ariel José Oro, chefe do Departamento Prisional (Depen) de Laranjeiras, e ele disse:

“Atualmente com 21 detentos implantados para trabalho, os quais atuam em: limpeza, manutenção, serviços hidráulicos, elétricos, construção e ampliação de espaços, bem como trabalhos externos, limpeza e manutenção no SOS, Creas, Crass, entre outros.”

Detentos auxiliando na manutenção da Depen

A evasão deste sábado se deu no momento em que dois detentos auxiliavam na manutenção de uma viatura estacionada em frente ao setor de carceragem, sendo que só um deles retornou, tendo então o outro aproveitado o momento para se evadir.

“Há seis anos é assim, temos presos implantados no trabalho e esse é o primeiro caso de evasão durante todo esse período. Os detentos implantados para trabalho ficam alojados num anexo separado do cadeião, não havendo obstáculos que impeçam evasão, uma vez que não haveria sentido, em razão destes implantados terem mobilidade e acesso aos espaços internos.”

Ariel também enfatizou que os detentos são previamente avaliados antes de serem escolhidos para trabalhar. A oportunidade dada para trabalho contempla essa relação de confiança, uma vez que é um benefício dado, espera-se do detento o cumprimento total das normas. O preso em questão, atendia à todos estes requisitos, e havia sido implantado no dia 9.

De tudo foram lavrados comunicados internos, boletim de ocorrência, comunicadas autoridades e órgãos competentes bem como comunicadas as forças de segurança no intuito de localizar o paradeiro do detento, até este momento sem êxito.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail