16 matérias na pauta de trabalho da Câmara de Guaraniaçu

Entre as indicações que serão deliberadas uma foi assinada pelo vereador Olmir Santin que solicita a construção de calçadas na Avenida Abilon de Souza Naves

A sessão ordinária que aconteceu na noite da última segunda-feira (15) na Câmara de Guaraniaçu contou com 16 matérias na pauta de trabalho, sendo cinco indicações, sete projetos de lei para deliberação em 2° turno, uma emenda para votação única, dois projetos para discussão e votação em primeiro turno, e uma proposta foi apresentada aos vereadores.

Entre as indicações que foram deliberadas uma foi assinada pelo vereador Olmir Santin que solicitou a construção de calçadas na Avenida Abilon de Souza Naves, desde o início do bairro Jardim Real até a Rua Presidente Moraes e outro pedido de autoria do vereador Gustavo Moraes solicitou a construção de bueiros com boca de lobo na Rua Dez no bairro Jardim Cidade Alta.

O vereador e presidente da Câmara, Carlos Roberto Ferreira (Carlão) protoclou dois pedidos, sendo um solicitando a recuperação da estrada e a construção de três bueiros na comunidade de Alto Medeiros, passando pelas propriedades dos Srs. Budego de Gim, Adelar Bumps, Aldecir Siqueira até a propriedade do Sr. Ales Magalhães na comunidade de Rio Medeiros, e que o Executivo estude a viabilidade de criar um programa de incentivo com gratificação a ser concedida aos servidores ocupantes de cargos de motorista de veículo pesado, motorista de caminhão e operadores de máquinas, em efetivo exercício.

Também foi discutido e votado um pedido para pinturas na pista e a instalação de placa de sinalização na esquina das avenidas Abilom de Souza Naves e Manoel Ribas, proximidades do trevo de acesso ao bairro Jardim Real, indicando aos condutores que seguem sentido Jardim Real/BR 277, a proibição de conversão à esquerda no trecho da Abilom de Souza Naves. Esta solicitação foi assinada pelos vereadores José Ivolmir de Oliveira (Zé Bombeiro) e Euclides Marcelino (Cride).

Propostas

Das propostas que foram discutidas e votadas em 2° turno, todas trataram de alterações no Plano Diretor sendo a lei complementar n° 001/2008 que instituiu o plano além das leis referentes ao parcelamento e o remembramento do solo para fins urbanos, perímetros urbanos da sede da cidade e dos distritos de Mato Queimado e Guaporé, zoneamento do uso e ocupação do solo urbano, código de obras e edificações de Guaraniaçu, sistema viário; e código de posturas do município. A proposta de lei que altera o zoneamento do uso e ocupação do solo urbano tem uma emenda foi deliberada na sessão da última segunda-feira (15).

Em primeiro turno foi votada uma proposta em que o Executivo solicita autorização para cedência de servidor ao Consórcio Intermunicipal de Saúde do Oeste do Paraná (Cisop) e outra que incluí artigo e parágrafo na Lei Municipal n° 1319/2020 que dispõe a Lei Orçamentária Anual (LOA) deste exercício. A proposta que foi apresentada em plenário aos vereadores tratou de uma abertura de crédito no orçamento do município no valor de R$ 232 mil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *