Reserva indígena de Nova Laranjeiras tem surto de H3N2

Na reserva indígena Rio das Cobras 81 pacientes apresentaram quadro de síndrome gripal

A secretaria Municipal de Saúde de Nova Laranjeiras informa que a Reserva Indígena do Rio das Cobras está com surto de gripe influenza do subtipo H3N2. Segundo dados da Vigilância Epidemiológica e da equipe de saúde indígena entre os dias 03 e 13 de janeiro de 2022, 81 pacientes indígenas apresentaram quadro de Síndrome Gripal (SG). Todos os casos foram testados para Covid-19, sendo que até o momento, dois casos foram confirmados, 69 casos foram descartados e dez aguardam resultado laboratorial.

Desses 81 pacientes, 13 pacientes realizaram pesquisa para Influenza, e foram detectados 8 casos de Influenza do subtipo H3N2. Um caso foi descartado e quatro aguardam resultado. Os casos que não foram submetidos à pesquisa de Influenza e resultaram negativo para Covid-19 serão classificados, por vínculo – epidemiológico, como H3N2.

Ações adotadas

  • Busca ativa de casos suspeitos, através de visitas domiciliares;
  • Orientação a todos os indígenas que estiveram em viagem recente, a manter isolamento mínimo de 10 dias
  • Monitoramento dos casos de síndrome gripal, pela equipe de saúde multidisciplinar indígena, enfatizando a necessidade de se manter o isolamento;
  • Execução de ações que objetivam detectar, investigar, responder e controlar o evento atual, bem como evitar novos casos de infecção por vírus respiratório;
  • Ações preventivas nas comunidades: Educação em saúde.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail