Crescem casos de ansiedade e depressão durante a pandemia

Segundo dados da IQVIA, o crescimento na venda dos antidepressivos foi de 9,62% quando se compara o início da pandemia com o ano anterior

Segundo dados disponibilizados por uma pesquisa realizada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, o isolamento social, prerrogativa para conter a disseminação do novo Coronavírus, trouxe impactos negativos quando o assunto é saúde mental.

Ao avaliar o estudo, foi possível constatar aumento nos casos de depressão – que dobraram no período, enquanto os casos de ansiedade subiram cerca de 80%. Além disso, quase 10% dos entrevistados relataram sentir estresse agudo.

O crescimento exacerbado dos casos de problemas relacionados à saúde mental teve reflexos. Estes podem ser notados, por exemplo, na disparada de vendas de medicamentos como ansiolíticos e antidepressivos.

Segundo dados da IQVIA, o crescimento na venda dos antidepressivos foi de 9,62% quando se compara o início da pandemia com o ano anterior. Ainda citando os mesmos dados e períodos, foi possível constatar aumento de 10% na compra de remédios para dormir e calmantes.

Tratamentos

Aqueles que são acometidos por algum problema relacionado à saúde mental devem procurar ajuda especializada. Ainda assim, existem muitos tratamentos complementares que podem colaborar para o sucesso de um paciente que realiza acompanhamento psicológico.

Vivika Sorensen Barone, sócia-fundadora do E2 Quântico, explica que o ideal é manter o equilíbrio. 'Podemos mesclar diferentes estratégias, iniciando pela indicação do médico tradicional. Paralelo a isso, então, trabalhamos a alimentação balanceada, exercícios físicos e a terapia quântica', indica.

Vivika compartilha que já realizou mais de 3 mil atendimentos à frente do E2 Quântico e que a ferramenta pode ser um diferencial para tratamentos. 'Pacientes em busca da expansão da consciência e equilíbrio, encontraram no quântico a possibilidade de um tratamento com paz, alegria e prosperidade', afirma.

A especialista afirma que o trabalho energético é capaz de desconstruir padrões e condicionamentos negativos, assim como ressonâncias negativas, apoiando a reorganização da vida pessoal e trazendo força para desafios do cotidiano. 'Quando cuidamos e equilibramos nosso interior, temos resultados expressivos. Por isso, complementar tratamentos tradicionais com a terapia quântica pode acelerar o restabelecimento pleno de um paciente', finaliza.
 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail