Pedala Paraná: além de incentivar a prática esportiva, o programa fomentará o turismo e comércio local

Na semana do Ciclista, cidadãos relatam a alegria de retornar as atividades com qualidade e mais opções para conhecer as belezas do Paraná

No Brasil, desde 2017, o Dia do Ciclista é celebrado na semana do dia 19 de agosto. A data foi escolhida para homenagear o biólogo e ciclista Pedro Davison, que foi vítima da violência no trânsito em 2006, no Distrito Federal. A data, entretanto, não é única: comemora-se também em 15 de abril o Dia Internacional do Ciclista e no dia 8 de dezembro o dia da padroeira dos ciclistas, Madonna Del Ghisallo.

Nesse sentido, o Correio do Povo ressalta uma das grandes conquistas para o ciclismo no Paraná: o programa Pedala Paraná, lançado no início do ano em Guaratuba, em 17 de janeiro. O projeto é realizado pelo Paraná Esporte, em parceria com a Paraná Turismo, Detran e prefeituras.

“Atualmente, o ciclismo é um dos esportes que mais crescem no Brasil e também no Paraná. Com as ciclorrotas que vamos inaugurar em diversas cidades nós vamos, além de incentivar a prática esportiva, ajudar a fomentar o turismo e comércio do Estado”, destacou o superintendente do Esporte Paraná, Helio Wirbiski. “A ideia é criar emprego, renda e desenvolver as potências turísticas”, afirmou.

O programa conta atualmente com 80 cidades paranaenses, incluindo Laranjeiras do Sul. O objetivo do projeto é credenciar trilas, nas quais, o município receberá uma de 25 Km que passará pelas seguintes comunidades: Km 127, Rio do Leão, Vila Becker, Linha Bokovswki e Gramadinho.

Além disso, de acordo com o secretário de Esportes, Rafael Nascimento, que participou em Curitiba do lançamento do programa, a região receberá placas de sinalização e totens de atendimentos aos ciclistas com bombas de pneus, ferramentas para conserto de bicicletas e mapa das rotas.

A retomada as atividades em meio a pandemia

Segundo o diretor-presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, o Paraná inteiro está preocupado com o turismo, pois no último ano houve uma grande queda, trazendo prejuízos para muitas empresas do setor.

A retomada das atividades esportivas foi comemorada pelo ciclista Gabriel Ferreira. “Estamos muito satisfeitos por essa iniciativa que possibilitará com qualidade a retomada de eventos como este, que são tão importantes para a saúde física e mental de todos nós”, afirmou.

Adir Romeo, um dos maiores nomes do ciclismo paranaense, falou sobre a importância da retomada do esporte aliado ao turismo em todo o Paraná. “É um grande passo para a retomada de uma pedalada com saúde e um resgate do turismo, meio que possibilitará as cidades ofertarem que os ciclistas conheçam e desfrutem das belezas da natureza que o Paraná tem”.