Wolff assume Porto Barreiro prometendo reativar balsa de Porto Santana

Novo prefeito disse que a prefeitura precisa dar condições para que os produtores do município não deixem o campo

O agricultor Vanderlei Wolff assumiu hoje (1º) o cargo de prefeito de Porto Barreiro. A cerimônia de posse aconteceu pela manhã, no Pavilhão da Igreja Católica Matriz do município. Ex-vereador, Wolf venceu as eleições de 2020 pelo PL, tendo como vice Clacir Tosatti, do Partido dos Trabalhadores. Ele derrotou Solange Vargas, candidata do grupo da então prefeita Marinez Crotti, que administrou o município nos últimos oito anos.

Em seu discurso de posse, o novo prefeito pediu o apoio da população, dos funcionários públicos e dos vereadores. Ele elogiou e criticou o governo de Marinez. “Sou agricultor, nascido na roça e não tenho vergonha disso. Gostaria de ter assumido a prefeitura com equipamentos rodoviários em perfeitas condições, assim também com as estradas. Peço à população que dê uma volta no município e constate. Parabenizo a prefeita pelos feitos de sua administração, que foram muitos, na saúde, na educação, mas quero deixar claro que teremos dificuldades. Eu perco o sono pensando que dentro de poucos dias teremos que colocar as coisas em funcionamento. Quero cumprir meu plano de governo a risco e quero que os trabalhadores do campo tenham condições de ver um caminhão de leite transitar na chuva até a sua propriedade. Precisamos dar condições para os produtores ficarem no campo”.

Vanderlei prometeu reativar a balsa responsável pelo serviço de transporte na área do Rio Iguaçu  no distrito de Porto Santana, na divisa com Chopinzinho. “Se não der para arrumar, vamos colocar outra”, garantiu. 


Secretários

Os nomes dos novos secretários da prefeitura não foram revelados. Vanderlei Wolff prometeu o anúncio para a próxima semana. 


Vereadores

Na ocasião, também foram empossados os nove vereadores eleitos em novembro do ano passado: Anderson Marangoni, Alex Severiano, Dinei Gadomski, Ednilce Rodacki, Jorge Matoso, José Carlos Zampoli,  Nilceo Moro ThêoRigo e Wanderlei Zampoli.