Infância saudável envolve bem estar de toda família

“A saúde de toda a família é interligada, vindo de uma base em que figuram os pais”, explicou a Dra. Thieli Budke

Formar uma família estruturada sempre foi um desafio para a humanidade. Se no passado as dificuldades giravam em torno da simples sobrevivência dos filhos, ameaçada por doenças, pelo clima ou falta de alimentos, hoje o cenário é outro, mas ainda cercado por muitos desafios.
A tarefa de cuidar de um filho, pode assustar muitos pais, especialmente em tempos de incerteza como os vividos pela pandemia. Em razão disso, o tema “Infância saudável” foi abordado no programa ‘Emoção, Afeto e Comportamento’ na rádio Uirapuru, sediada em Passo Fundo, município do estado do Rio Grande do Sul.


A convidada do último programa foi a médica pediatra Thieli Maldaner Budke. A profissional é destaque na região por compartilhar informações nas plataformas digitais e orientar os pais. Participando do programa, a Dra.Thieli explicou que a saúde de toda a família é interligada, vindo de uma base em que figuram os pais.
Explicou também que a maternidade, em especial, é cercada por culpas e mitos. Os pais, por falta de informação, são amedrontados por muitas pessoas em uma espécie de círculo da desinformação. Quem já teve filhos, em épocas bem diferentes das atuais, costuma dizer que é preciso aproveitar os momentos de lazer e sono agora, pois, com filhos, isso fica no passado.


Para a Dra.Thieli isso é um erro. Neste contexto é importante ter um pediatra que acompanhe a fase inicial da criação do filho e da família. O profissional vai seguir junto, orientar e segurar a mão dos pais neste importante caminho, sempre baseado na informação real. Pontuou ainda que a forma de criar um filho mudou. ”Se no passado o foco era simplesmente sobreviver, hoje é dar desenvolvimento para que a criança seja um ser humano saudável e desenvolvido”. Finalizando, lembrou que a saúde é muito mais do que física, passando pelos aspectos emocionais da criança. Uma criança que não recebe atenção e o carinho necessários em todas as fases do desenvolvimento não está saudável.


A família é o primeiro espaço social de convivência do ser humano e se constitui como referência fundamental para a vida do indivíduo pois os pais passam para a criança os valores éticos, morais, usos e costumes e conceitos de vida, por meio de experiências afetivas vivenciadas no seio familiar. As crianças costumam imitar para fazer parte do grupo, para obter o sentimento de pertencer e esse processo ocorre sem que os pais ensinem, ou tentem influenciar a criança, mas, naturalmente e pelo exemplo e convivência diária. Por este motivo, é fundamental que os pais estejam bem fisicamente e psicologicamente para assim então poder se doar completamente para seu filho e criar uma relação amorosa e respeitosa.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail