Limpeza de pele: entenda tudo sobre o procedimento

A limpeza de pele é um dos procedimentos mais procurados pelas mulheres em clínicas de estética. Ela tem objetivo de

A limpeza de pele é um dos procedimentos mais procurados pelas mulheres em clínicas de estética. Ela tem objetivo de remover os cravos e as impurezas da pele. Logo, ela proporciona uma série de benefícios como a renovação celular, o aspecto de pele mais lisa e saudável, além da redução dos poros.

A limpeza de pele é um procedimento indispensável para uma pele limpa e hidratada, sendo realizando com bons profissionais especializados o resultado será visível ao longo dos meses de tratamento.

Segundo a esteticista Geovana Grosselli a limpeza de pele consiste na higienização removendo toda a oleosidade, impurezas e sujidade da pele. “Logo após a esfoliação onde são eliminados células mortas, e então aplicado emoliente para que os comedões e cravos sejam extraídos de maneira mais fácil, máscaras calmantes, hidratantes e opcional o peeling, pois como a pele está limpa e hidratada tende a absorver melhor os seus componentes’’.

Para finalizar a limpeza de pele profissional, deve ser aplicada uma loção hidratante e filtro solar sempre com fator de proteção igual ou superior a 30 FPS.

Recomendação

A profissional diz que se a pele for normal ou seca o indicado é que seja realizado o procedimento de limpeza de pele a cada três meses. Já se for oleosa ou mista é adequado realizar o procedimento pelo menos uma vez ao mês, para que assim a pele fique livre de cravos e espinhas.
Ela lembra que o procedimento deve ser feito com um profissional especializada e nunca em casa para que não ocorram danos e lesões em seu rosto causando manchas e cicatrizes permanentes.

Cuidados

Os cuidados que devem ser realizados após a limpeza de pele são segunda a Geovana é o uso do protetor solar. ”Como a pele ainda está sensível e com edemas se exposto ao sol pode ocasionar manchas solares, o uso de ácidos ou produtos à base de álcool após 48 horas após o procedimento também não deve ser feito’’.

O procedimento não deve ser feita na pele com acne quando existem espinhas inflamadas, com aparência amarelada, porque pode agravar a acne e prejudicar a pele. Neste caso o mais indicado é ir ao dermatologista para realizar um tratamento para eliminar as espinhas, o que pode ser feito com produtos específicos para aplicar na pele ou remédios para tomar. Além disso, não deve ser feita em pessoas com a pele muito sensível, com alergia, descamação ou rosácea.

Limpeza em casa Os cuidados que você pode estar fazendo em casa para cuidar da sua pele é a limpeza com sabonete específico recomendado, esfoliar uma no máximo duas vezes por semana seu rosto, hidratar e usar todos os dias protetor solar para o rosto e pescoço.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail