Palmital: Polícia Militar prende caçadores, armas, cães e carnes em reserva ambiental

Quatro homens acompanhados de 10 cães realizavam caça ilegal na reserva

Na madrugada deste sábado (18) para domingo (19) após receber denúncias, a Polícia Militar foi acionada para prestar atendimento em uma ocorrência onde caçadores ilegais estavam na reserva ecológica de Palmital com seus veículos, um Fiat Uno e um Ford/F1000.

A PM conseguiu abordar o veículo Ford/F1000 e identificou o condutor, um homem de 40 anos, e outros três com 42, 30 e 25 anos, os quais estavam na camionhete, acompanhados de dez cães. Foi encontrado sacos de carnes de animal chamado “cateto” de acordo com os abordados, popularmente conhecido como porco-do-mato. 

Durante busca pessoal, foi localizado um revólver calibre .38 carregado com oito munições intactas na cintura de um coldre de couro preto e no bolso, 12 munições CBC e duas munições SPL. 

Na caminhonete, ainda foi encontrado uma espingarda calibre .32 sem marca, número de série aparente, sete cartuchos CBC calibre .32, uma laterna, 25 munições calibre .22 CBC, uma carabina calibre .22 CBC com coronha de madeira, um carregador 23 munições .22 e cinco munições .22 CBC. 

O condutor do Fiat Uno conseguiu evadir do local, mas foi abordado em seguida. Em busca pessoal ao condutor, um homem de 46 anos, nada de ilícito foi localizado, porém ele confessou que estava junto com os demais abordados realizando caça de animais. 

Em sua casa a polícia localizou mais um revólver calibre .38, qual foi apreendido juntamente com as demais armas, objetos e os cães todos entregues na 2a. SDP em Laranjeiras do Sul. 

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades

 |   |   |   | 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail