Guaraniaçuenses firmam parceria com a prefeitura para divulgar Airsoft

Uma prática que tem se tornado comum na cidade, gera muita adrenalina e ajuda a combater o estresse, segundo um dos praticantes Leandro Wasilevsk

A prática de Airsoft tem se tornado comum em Guaraniaçu, e segundo Leandro Wasilevsk, um dos praticantes da modalidade, os competidores participam de simulações de operações policiais em campos com obstáculos que geram muita adrenalina, além dessa modalidade trazer benefícios para o corpo e mente, revela.

Apoio da prefeitura

Com o aumento da prática na cidade e atendendo a uma solicitação do vereador Marcelo Corona, o prefeito de Guaraniaçu, Osmário Portela, fechou uma parceria com o grupo onde dará o apoio necessário ao esporte através da secretaria de Esportes. O secretário da pasta Renato Dri confirma que neste primeiro momento, serão veiculadas camisetas e um local adequado para os treinamentos.

“É um jogo de adrenalina justamente por ser muito idêntico com as operações e treinamentos do exército. Isso faz com que desenvolvamos coordenação motora e agilidade para não ser pego (atingido) por outro jogador. O que alivia o estresse’’, ressalta Leandro

O jogo

No Airsoft, os participantes são separados em equipes, e cada um deles recebe uma missão de eliminar os participantes da equipe adversária. E a colaboração mútua é essencial, afirma Leandro.

“Agradeço em nome de todos os jogadores de Guaraniaçu, o apoio e incentivo que a prefeitura nos oferece através do prefeito Osmário Portela e do vereador Marcelo Corona”, finalizou o participante.

O prefeito Osmário Portela reafirmou que o esporte, independentemente da modalidade, sempre teve e continuará tendo o seu apoio, pois é sinônimo de saúde, bem-estar e qualidade de vida, além de proporcionar muitas alegrias para atletas e torcedores.

Para participar

Os interessados em praticar o Airsoft, que não possuem os equipamentos apropriados podem entrar em contato com os praticantes em Guaraniaçu, e os mesmos alugarão os aparelhos.

Regulamentação

O Airsoft é um esporte regulamentado no Brasil através da portaria 002-COLOG, de 26 de fevereiro de 2010 e do decreto nº 10.030, de 30 de setembro de 2019, conhecido como R-105, e seu Anexo I, que fornece a relação dos produtos controlados.

Pela portaria 002-Colog, Airsoft se enquadra na definição de arma de pressão (art.2) e não é simulacro.

Ou seja, a réplica ou simulacro de arma de fogo: para fins do disposto no art. 26 da lei 10.826/03 é um objeto que visualmente pode ser confundido com uma arma de fogo, mas que não possui aptidão para a realização de tiro de qualquer natureza e arma de pressão: cujo princípio de funcionamento implica no emprego de gases comprimidos para impulsão do projétil, os quais podem estar previamente armazenados em um reservatório ou ser produzidos por ação de um mecanismo, tal como um êmbolo solidário a uma mola.

Enquadram-se na definição de armas de pressão, os lançadores de projéteis de plástico maciços (Airsoft) e os lançadores de projéteis de plástico com tinta em seu interior (Paintball).

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail