Marquinho: Prefeito Juninho assina duas importantes ordens de serviços

A primeira é a pavimentação de quatro km na área rural e a segunda trata-se da revisão do Plano Diretor do município

Na manhã de ontem (30), o prefeito de Marquinho Elio Bolzon Junior (Juninho) assinou duas ordens de serviço de importantes ações.

Uma delas refere-se a quatro km de calçamento na zona rural do município, no valor de R$ 1.090.318,66. A pavimentação será dividida em trechos.

•Trecho 1 – Alto do Cobre sentido Guampará serão dois km.

•Trecho 2 – Gleba Nove, quase 1,5 km.

•Trecho 3 – Comunidade Rio Bonito que liga à PR-364, serão 650 metros.

Conforme o prefeito, o recurso foi indicado pelo presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano, por meio do Governo do Estado, via Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento (SEAB).

Plano Diretor

A segunda ordem de serviço é a revisão do Plano Diretor Participativo e outros instrumentos urbanísticos complementares do município. Este processo terá um investimento de R$ 119.890,00.  Esta importante ação é em convênio com Governo do Estado, via Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas do Paraná (SEDU).

Juninho ressalta a importância do Plano Diretor para cidade. “Nós pedimos que toda comunidade participe das Audiências Públicas, e levem suas opiniões. Esse plano terá a validade de 10 anos, por isso é tão importante a participação de todos”.

A empresa que venceu o processo licitatório para os dois serviços foi a Farol, de Planalto. O sócio- administrador da Farol, José F. de Gois, agradeceu a receptividade de Marquinho. “Estamos chegando com duas obras importantes pensando na acessibilidade e no futuro do município. Nosso diferencial como empresa é que somos da região. Somos a única empresa do centro-sul do Paraná que faz Plano Diretor. Nós conhecemos a realidade dos municípios daqui e temos especialidade em atender cidades abaixo de 20 mil habitantes”.

Casas populares

Ainda esta semana será dada a ordem de serviço para a construção de 30 casas populares através do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (FINISA), dinheiro que vem da Caixa Econômica Federal e que o município pagará com recursos próprios. “Já estamos finalizando a terraplanagem e este programa atenderá as pessoas carentes que não conseguem acessar as linhas de financiamento junto aos programas habitacionais”, explica o prefeito.

A empresa para a construção já está licitada e conforme Juninho, ainda este ano a construção será iniciada. “Uma obra muito importante que atenderá quem amais precisa. Entre construção, terreno e infraestrutura o investimento da prefeitura passará de R$ 4 milhões”.

“Com força e determinação juntos vamos rumo ao progresso”, finaliza o prefeito.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail