Hábito de ingerir chás traz inúmeros benefícios à saúde

Consumido com moderação, a qualidade de vida aumenta e se torna mais saudável

O hábito de ingerir chás antes de dormir é muito comum e pode melhorar a qualidade do sono ao diminuir a ansiedade. Mas, além de acalmar, o costume traz outros inúmeros benefícios para a saúde. Os chás e infusões costumam ser saborosos e indicados para diversos problemas de saúde, além de aquecer o corpo em dias mais frios ou servir de acompanhamento nas principais refeições em versões geladas.

Camomila

A planta contém uma substância que exerce um efeito calmante no sistema nervoso, ajudando a dormir. Pessoas que sofrem com insônia e ansiedade podem se beneficiar ao tomar uma infusão de camomila antes de deitar. É bastante indicada para acalmar, diminuir a ansiedade e aliviar o estresse. A camomila também alivia sintomas relacionados a inflamações e auxilia no tratamento de problemas estomacais, ajudando na má digestão e a tratar as úlceras no estômago. É também utilizada para aliviar enjoos e cólicas menstruais. Entre as suas propriedades destaca-se a sua ação anti-inflamatória, antioxidante e cicatrizante.

Hibisco

As flores dessa planta possuem um aroma agradável e dão origem a uma bebida consumida por quem deseja diminuir a retenção de líquidos. Esse benefício ocorre devido a sua ação diurética e por ter ação antioxidante e anti-inflamatória. Além disso, essas flores também se destacam por ajudar na diminuição da pressão arterial. Os compostos antioxidantes do hibisco também inibem a formação de radicais livres, combatendo o envelhecimento celular. Quem precisa controlar o colesterol ou as taxas de glicose no sangue são beneficiados com esse tipo de infusão. O hibisco possui ainda vitaminas, cálcio, ferro, fósforo, potássio, magnésio e licopeno.

Mate

A erva-mate é nativa do Brasil, Argentina e Paraguai e também é muito consumida em algumas regiões do país como chimarrão ou tererê (mate gelado). Possui vitaminas, cafeína e sais minerais, além de xantinas que são responsáveis pela ação diurética da planta. Entre os benefícios estão o aumento de energia e a redução o nível de açúcar no sangue. Além disso, a erva-mate diminui o colesterol “ruim” e aumenta o “bom”, reduzindo o risco de problemas cardiovasculares. Essa erva possui ação antioxidante, combate os radicais livres e melhora as funções do fígado e a digestão. Aumenta a energia e o foco mental por conta da cafeína, melhora o desempenho físico e reduz o nível de açúcar no sangue.

Hortelã

Com sabor bastante agradável, a infusão de hortelã proporciona vários benefícios à saúde. Ela pode ser benéfica para o estômago e digestão, já que ajuda a equilibrar a produção e concentração de ácido estomacal e das enzimas digestivas que são essenciais para a apreensão de nutrientes. É recomendada para ajudar na cicatrização da mucosa gástrica e intestinal. O mentol presente na hortelã se destaca pela ação expectorante, aliviando tosses e congestão nasal. As folhas contêm ainda antioxidantes que melhoram a memória me a capacidade de aprendizado.

Erva-cidreira

A erva-cidreira possui efeito calmante e sedativo, auxiliando na redução de problemas de insônia, ansiedade e estresse, o que também melhora o humor de acordo com pesquisas. O consumo desse tipo de bebida diminui problemas estomacais e beneficia o sistema digestivo e diminui a indigestão. Tem também ação antioxidante e por isso combate os radicais livres, ajudando a reduzir o envelhecimento celular. É indicada em casos de cólicas menstruais já que relaxa a musculatura uterina. Essa erva reduz a pressão arterial, uma vez que proporciona uma vasodilatação nas veias.

Erva-doce

Consumir a infusão com erva-doce ajuda no combate à azia, má digestão, gases e dor de barriga. É bastante indicada para relaxar e melhorar o sono. A planta também é conhecida por estimular a produção de leite materno. Por conter antioxidantes, ela ajuda a combater os danos oxidativos do organismo, contribui na produção de novas células e reduz os sinais de envelhecimento. Possui potássio, o que ajuda no controle da pressão arterial. Outra vantagem de consumo é que a erva-doce ajuda a conter os inchaços por ser diurética.

Boldo

Várias espécies de plantas são chamadas de boldo, mas a mais comum no Brasil tem entre os princípios ativos a lactona, substância de gosto amargo que auxilia na digestão de gorduras. A planta contém boldina, que contribui para aumento gradual do fluxo da bile. Também beneficia quem sofre com uma ressaca, pois diminui a intoxicação e protege as células do fígado. Também é usado no tratamento de distúrbios digestivos leves e na redução de espasmos intestinais. Um dos benefícios da bebida é o seu efeito calmante: ela melhora a sensação de bem-estar, promovendo relaxamento.
Possui efeito diurético e levemente laxante. O boldo ainda contém uma substância conhecida como ascaridol que é um vermífugo natural.

Canela

Dentre os componentes da canela está o cromo, que é conhecido por melhorar a sensibilidade do corpo à insulina. Por isso, a bebida ajuda pessoas que já tenham resistência à insulina, com pré-diabetes ou diabetes, no seu controle glicêmico, evitando picos na glicemia. A canela possui propriedades antioxidantes, que auxiliam na neutralização dos radicais livres responsáveis pelo envelhecimento celular, ajudando na prevenção de tumores e doenças degenerativas.

Contra indicações

Muitos chás e infusões são contra indicados para gestantes, lactantes e crianças pequenas, principalmente sem orientação médica. Geralmente, os chás são contra indicados para gestantes devido as suas propriedades abortivas, risco de má formação fetal e possibilidade de causar contrações uterinas.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail