Prefeitura de Quedas investe mais de 13 milhões na saúde em oito meses de gestão

Os recursos são provenientes do Fundo Estadual de Saúde, do Fundo Nacional e as verbas livres da prefeitura que investiu mais de R$ 7 milhões de recursos próprios

Desde o início de 2021, a prefeitura de Quedas do Iguaçu investiu R$ 13,5 milhões no setor de saúde pública, conforme dados fornecidos pela secretaria de Saúde. Os recursos são provenientes do Fundo Estadual de Saúde, do Fundo Nacional e as verbas livres da prefeitura que investiu mais de R$ 7 milhões de recursos próprios.
De acordo com a secretária de Saúde, Raquel Eleutério Preto, o setor teve um avanço significativo neste período, principalmente no quesito serviços estratégicos, como por exemplo a implantação do  Centro de Atenção Psicossocial (CAPS ), que já proporcionou 1.050 atendimentos. Um centro que mantém médico especialista em saúde mental, clínico geral, enfermeira, psicóloga, assistente social, educador físico, técnica de enfermagem, além de outros profissionais.

Foi efetuada a reforma e a reabertura da Academia de Saúde. Na extensão Caetano, as obras foram concluídas pela atual gestão e atualmente, dois médicos, um oncologista, dois ortopedistas e um cirurgião atendem lá.

Fortalecimento

Na gestão da pandemia Covid-19 foram quase 5 mil atendimentos, 248 internamentos, 14,7 mil monitoramentos, aproximadamente 40 mil vacinados e implementação de testes rápidos. 
Conforme a secretaria, quando o prefeito Elcio Jaime assumiu eram 1.360 casos de dengue, esse número em 2021 baixou para sete. A Saúde recebeu quatro veículos novos e uma van.   
A atenção básica foi fortalecida, ampliando a carga horária de seis para oito horas, reabrindo os atendimentos nas Unidades Básicas da Pindorama e Santa Fé. Na fisioterapia com a contratação de um profissional, com os serviços de ultrassonografia e ECG, melhoria do sistema de informação com incremento financeiro que passou de R$157,2 mil.

Gestão hospitalar

Na gestão hospitalar a secretaria de Saúde adquiriu equipamentos para o Hospital Municipal, efetuou reformas e manutenções, capacitou e treinou a equipe de trabalho, credenciou 10 leitos retaguarda Covid-19, além da contratação de anestesista e cirurgião geral. 
Foram 35 procedimentos em cirurgias realizadas no Hospital Municipal. Foi implantado o programa Mãe Quedense, voltado à saúde das gestantes e dando o apoio necessário para que as gestantes e possam ter uma gravidez segura e bem acompanhada. 

Neste período de oito meses foram realizados 1.088 testes rápidos de hepatites e HIV. Foram destinados 17 aparelhos de telefone celular para as atendentes dos estabelecimentos de saúde e efetuadas reformas na secretaria de Saúde.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail